Como se planejar financeiramente para comprar um imóvel?

Comprar a casa própria é um sonho de muita gente, mas parece um bicho de sete cabeças quando o assunto é dinheiro. Com tantas contas para pagar e diversas despesas, às vezes achamos que o sonho vai ficando cada vez mais distante de se tornar real. Mas se você está aqui, lendo esse post, você já está um pouco mais perto de realizá-lo, o que é um bom sinal. Isso porque é aqui que você vai encontrar as melhores dicas de como se organizar para comprar um imóvel.

Primeiramente, você deve escolher qual é o tipo de construção que melhor se adapta às suas necessidades, ou seja, é aí que você decide se vai comprar sobrado, apartamento ou até mesmo um estúdio. Encontrar um lugar perfeito é quase impossível, então escolha suas prioridades e o que é dispensável. A partir dessa escolha, você inicia o seu planejamento financeiro para comprar o imóvel. Mas como fazer esse planejamento? Bom, vamos lá.

homem segurando uma casa e sugurando dinheiro

Seja amigo das planilhas

Sim, elas serão suas melhores amigas antes de comprar um imóvel e se eu fosse você, eu levava as planilhas para a vida toda. Esse método de organização das finanças é o melhor jeito de visualizar onde e como você pode poupar mais. Realmente controlar seu dinheirinho.

Podem ser físicas ou digitais, se você for do papel assim como eu, ter um caderninho só para a organização financeira é a chave, mas se você já é mais da era da tecnologia, você vai se acostumar bem com a opção digital, inclusive, várias planilhas prontas estão disponíveis por aí, é só achar a que você gosta mais.

Basicamente você vai anotar tudo o que sai e entra da sua carteira, nem que seja uma nota de dois reais que você achou no meio da rua, escreva tudo! Veja o que são gastos indispensáveis, como contas da casa, mercado e saúde e o que é dispensável, ou seja, restaurantes, cinema, compras do fim de semana no shopping e afins. Feito isso, no final do mês você vai conseguir ver onde é que você pode cortar os gastos ou poupar mais para poder juntar dinheiro para comprar uma casa.

 

Pesquise

Não é bom se afobar na hora de tomar essa decisão super importante, é necessário analisar todas as alternativas com cautela, o valor e as ofertas disponíveis, visite o local e veja como é a região, o próprio imóvel e seu estado, as condições de compra, se possível, até tire as medidas da vaga do estacionamento para ter certeza de que seu carro vai caber, etc. Qualquer coisa feita com pressa, nunca é bem feita. Então espere o melhor momento e as melhores circunstâncias para não passar perrengue depois.

 

Leia também:
>>> AS VANTAGENS DE MORAR EM UMA CASA AO INVÉS DE APARTAMENTO

>>> QUAIS SÃO AS VANTAGENS DE UM SOBRADO EM CONDOMÍNIO FECHADO?

 

Conte com profissionais

Mesmo com todo o planejamento do mundo, ninguém está imune de imprevistos. Ter profissionais ao seu lado, trabalhando com você para que o seu sonho se torne real, faz com que seja mais fácil e qualquer problema que possa vir a acontecer, é resolvido com maior facilidade por esse corretor de imóveis conviver diariamente com esse tipo de situação e ter os contatos certos a que recorrer.

 

banner guia planejamentno

 

Guarde o dinheiro

A melhor opção é criar uma poupança para comprar um imóvel, isso porque se você deixar na sua conta normal do banco, você vai ficar tentado em gastar, pode acreditar. Quando o seu dinheiro está na poupança, ele está lá no cantinho dele, longe de seus sentidos consumistas e a melhor parte, seu dinheiro está rendendo.

Como assim? A poupança é um tipo de conta bancária que você reserva dinheiro e recebe uma rentabilidade em cima da quantia que foi depositada. Portanto, além de economizar, o seu dinheiro vai estar trabalhando por você e quando você for retirar esse dinheiro da conta, terá um certo valor a mais para a compra do seu tão sonhado imóvel. Não é ótimo?!

E se quiser entrar mais fundo nesse universo do seu dinheiro trabalhando por você para que você possa realizar seus sonhos, aprenda sobre o mundo dos investimentos. Para essa situação de compra de um imóvel, aplicar no Tesouro Direto e em CDBs de liquidez diária podem ser mais uma porta, pois tem uma boa rentabilidade e são investimentos seguros.

 

Pagamento

Não é porque você já tem o dinheiro que acabou a história por aí. É necessário estudar qual tipo de pagamento melhor se encaixa na sua realidade, obviamente, pagar à vista é a melhor opção para quem quer economizar, mas visto que não é tão fácil assim pagar um alto valor à vista, existem outras maneiras de efetuar o pagamento. São elas, financiamento e consórcio imobiliário.

O financiamento é quando o banco é quem paga pelo seu imóvel e, a partir daí você deve quitar com o banco a sua dívida. São colocadas várias condições para que esse financiamento possa acontecer e variam de acordo com o banco, como por exemplo o valor do imóvel, a duração do contrato e os juros impostos, a parte boa é que é possível usar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço no financiamento.

Já o consórcio imobiliário é para quem tem mais tempo para comprar a sua casinha, não está procurando por nada imediato. Isso porque é necessário depositar uma parcela do pagamento do imóvel a cada mês. O consórcio oferece custos mais baixos e créditos de médio e longo prazo, podendo chegar até 180 meses, portanto você deve pensar muito no futuro e tomar cuidado se você estiver cogitando essa opção. Aliás, existem sites onde você pode fazer uma simulação desse crédito.

 

FGTS pode te ajudar

Sim, o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) pode ser uma bela jogada para a compra de seu imóvel, mas é importantíssimo pesquisar as condições e taxas impostas. É utilizado como entrada no financiamento, sendo parte ou o valor inteiro do pagamento. Entre na sua conta, veja o saldo, reúna os documentos e entregue na agência. Prontinho, agora só falta a aprovação.

Depois dessas dicas super valiosas de como se organizar para comprar um imóvel, você já sabe como se planejar para fazer esse investimento. Agora é só ser feliz na compra da sua tão desejada casa própria.

 

Leia também:
>>> COMO FUNCIONA O FINANCIAMENTO DE UM IMÓVEL?

>>> DICAS PARA O FINANCIAMENTO DO SEU SOBRADO EM CURITIBA